domingo, 20 de maio de 2012

Dor na Relação Sexual


As dores na relação sexual podem ser classificas de duas maneiras: vaginismo e dispareunia.

Vaginismo

É a dor que impossibilita a penetração vaginal causada pela contratura involuntária da musculatura pélvica. É fruto da má interação entre a mulher com seu erotismo e órgãos sexuais. Geralmente estas pacientes não conhecem sua genitália, e têm verdadeira repugnância em se tocar e explorar suas regiões mais intimas.
A repressão sexual leva a mulher a negar a tal ponto sua sexualidade que se exterioriza na incapacidade física de se relacionar.

Dispareunia

É a dor ao coito (tanto para o homem quanto para a mulher), progressiva e que pode se estender até o momento pós coital.
  • causas orgânicas: falta de lubrificação vaginal, sequelas cirúrgicas, infecções vaginais e penianas como colpites, vaginites, candidíase, condilomatose entre outras, que levam à queimação e ardência genital.
  • causas psicológicas: má lubrificação por desejo sexual hioativo (frigidez). A mulher tem problemas na fase de excitação o que não permite que seu órgão genital se prepare adequadamente para o coito. Assim, quando a penetração acontece a dor aparece. Nos homens, a dor traduz suas frustrações e rancores diante de sua situação sexual. A baixo auto-estima acaba por contaminar sua existência, minando sua saúde sexual.
Fonte: Sexualidade e Vida

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...